Consciarte by Berlitz

Cultura, Consciência e Arte

Compositoras: Chiquinha Gonzaga e Teresa Cristina

 

Post dedicado aos amigos Marcos Massolini e Cristina Canos: 17 anos!

De um extremo ao outro, este 28 de fevereiro, último dia de um mês mais curto, é a data comemorativa de duas compositoras que têm significado amplo na história passada e recente da MPB.

Primeiro, Chiquinha Gonzaga (Francisca Hedwiges de Lima Neves Gonzaga, 1847- 28/2/1935, Rio de Janeiro), lembrando os 75 anos da morte da maior compositora, regente e pianista do Brasil. A "mãe" da Música Popular Brasileira foi pioneira na vida musical e pessoal, quebrou tabus nos cenários artístico e feminino, que lhe devem este reconhecimento. Participou ativamente dos movimentos abolicionista e republicano. Esteve à frente de sua época em todos os sentidos.

Saiba mais sobre Chiquinha Gonzaga lendo o texto de Abel Cardoso Junior.

Livro: Chiquinha Gonzaga, Uma história de vida Edinha Diniz

 

DVD Chiquinha Gonzaga

Segundo, a cantora e compositora Teresa Cristina (Teresa Cristina Macedo Gomes, 28/2/1968, Rio de Janeiro), carioca de Bonsucesso, que foi manicure, fiscal do Detran, programadora de rádio na UERJ, vendedora de cosméticos e auxiliar de escritório. Uma das responsáveis pela repaginação da música no bairro carioca da Lapa, fez o curso de Letras na UERJ (Universidade Estadual do Rio de Janeiro). Faz parte do grupo Semente. É a aniversariante de hoje!

Abriu a voz e encantou os ouvidos de compositores consagrados, do público e até da grande e pequena mídia. Com o primeiro CD (“A música de Paulinho da Viola”, 2002), Teresa Cristina conquistou o prêmio Rival BR e Prêmio TIM de música, como cantora revelação. Em 2003 foi indicada ao Grammy Latino de melhor disco de samba.

Sobre a moça, alguns depoimentos:

 

"Ela forma com dona Dona Ivone Lara (Yvonne Lara da Costa) e Leci Brandão (Leci Brandão da Silva) uma espécie de santíssima trindade das mulheres incluídas entre os nossos melhores compositores de samba. Tradicionalmente, salvo raras e eventuais exceções, o mundo da criação do samba é um território quase exclusivo dos homens. Mas Teresa entrou nele pela porta da frente, inventando melodias bonitas e com o talento dos nossos melhores poetas da música". (Sérgio Cabral / * clique saiba mais sobre o jornalista).

"Esta menina é coisa nossa, coisa muito séria". (Monarco– Hildemar Diniz).

"É uma figura jovem e cativante, excelente cantora de samba. A gente está precisando de cantoras assim, porque hoje em dia não tem gente interpretando samba como ela". (Paulinho da Viola – Paulo César Batista de Farias).

"Tem papel de liderança num grupo que reza pelo estilo brasileiro de cantar. Inova sem agredir o formato. Tem tudo para se tornar um nome de primeira grandeza." (Elton Medeiros – Élton Antônio Medeiros).

"Ela é maravilhosa. É uma devota do samba, que vai às raízes e pesquisa. Uma artista íntegra, que interpreta sem afetação. O exemplo de uma história verdadeira. (Marisa Monte – Marisa Monte – Marisa de Azevedo Monte).

Vídeo (*)

(*) Acalanto / O Mar Serenou, que faz parte do CD "O Mundo É Meu Lugar", gravado ao vivo em 2005. (Acalanto, Teresa Cristina; O Mar Serenou, Candeia, Antônio Candeia Filho).

Página Oficial

MySpace Teresa Cristina

Anúncios

fevereiro 28, 2010 - Posted by | Uncategorized | , ,

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: